2ª Jornada de Inverno

A segunda jornada voluntária de Inverno foi inteiramente dedicada à plantação de árvores. Contou com a participação de 17 voluntários, com origem em 4 países de dois continentes (Portugal, Espanha, Alemanha e Brasil)!

O dia estava fresco e o sol não apareceu, o que se por um lado o tornou mais cinzento, por outro ajudou a evitar o sobreaquecimento que o esforço de plantar árvores tende a produzir!

Durante a manhã a equipa trabalhou na Benfeita, numa área inclinada cujos tocos de eucalipto tinham sido arrancados e que, posteriormente, foi percorrida pelo incêndio de Abril de 2017. O conjunto dos dois eventos contribuiu para deixar o solo, bastante pedregoso, nu e irregular, não constituindo propriamente uma paisagem agradável. Aqui e ali encontravam-se rebentos de sobreiro e mesmo de carvalho, a demonstrar que estas árvores já cá existiam, apesar do eucaliptal, e a sugerir que são espécies apropriadas para renaturalização. Quanto aos carvalhos, já cá tínhamos semeado bolotas. Os sobreiros iriam ser plantados neste dia, adicionando-se ainda alguns arbustos também próprios deste habitat, como os medronheiros, as murtas e os lentiscos.

IMG_20180120_093649
A caminhada até ao local de plantação
IMG_20180120_094755
Um pouco de poesia fotográfica, inspiração da voluntária Liliana
IMG_20180120_100140
Tudo a postos para começar!
IMG_20180120_101320
Trabalhos em curso
IMG_20180120_101844
A “matéria prima”
IMG_20180120_112954
O uso da picareta é um trabalho pesado. Mas que não intimida os (nem particularmente as) voluntários(as)!
IMG_20180120_113214
As árvores plantaram-se com grande eficiência

Durante toda a manhã os trabalhos decorreram com grande dinâmica, de tal maneira que as árvores levadas acabaram e foi necessário ir buscar mais!

Depois de um suculento almoço quente vegetariano na base da Quinta das Tílias, a equipa deslocou-se para o Vale da Estrela, não muito longe do primeiro local, onde já na primeira jornada de Inverno se tinha plantado. Desta vez o trabalho decorreu apenas na mancha de pinhal e medronhal aqui existente antes do incêndio. A grande maioria dos pinheiros secou na sequência do mesmo. Os medronheiros perderam a parte aérea e rebentaram de novo. Por isso, fez-se aqui um trabalho de adensamento, aumentando a presença do sobreiro como elemento do estrato arbóreo, em substituição do pinheiro, e introduzindo, como arbustos próprios do medronhal, a murta e o lentisco. Também alguns lódãos-bastardos (Celtis australis).

IMG_20180120_131101
O almoço, concepção da Ana Teresa
IMG_20180120_142918
A paisagem da tarde, onde se destacam os pinheiros sobreviventes e a rebentação dos medronheiros
IMG_20180120_143017
Outra perspectiva, com Belazaima em fundo
IMG_20180120_145644
Trabalhos em curso
IMG_20180120_170017
Pelo final da tarde, os voluntários pareciam satisfeitos
DSC_2282
A equipa voluntária deste dia

Como o almoço tinha sido feijoada (com broa), as energias não se foram abaixo e a equipa trabalhou toda a tarde num terreno onde a abertura das covas não é propriamente tarefa leve. Tinha sido uma excelente 2ª jornada de plantação de árvores! A reportagem fotográfica foi, mais uma vez, da voluntária Liliana Meleiro. O registo de vídeo foi do Raul Silva, e o resultado está a seguir:

Obrigado a todos os voluntários. Continuamos a plantar em Fevereiro!

Paulo Domingues

One Reply to “2ª Jornada de Inverno”

Deixe uma Resposta para weareonezeitgeist Cancelar resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: