Primeira jornada de Primavera

A primeira jornada de Primavera, realizada no dia 13 de Abril após um adiamento devido à chuva, acabou por ser apenas meia jornada, pois quase todos os participantes, “reciclados” da primeira data, não estavam disponíveis o dia todo, mas não quiseram deixar de “inaugurar” esta época primaveril, nem que fosse por apenas meio dia.

Deste modo, optou-se por realizar trabalho numa área próxima de Belazaima, numa parcela da Quinta das Tílias seriamente invadida por mimosas. Trata-se de uma área onde ao longo de anos se foi fazendo trabalho no sentido de diminuir a presença das mimosas, e estava bem encaminhado, mas o incêndio de 2017 fez regredir a situação quase 10 anos.

A mancha, densa, mas onde ocorrem também carvalhos em rebentação, depois de boa parte das árvores originais se terem perdido com o incêndio, desenvolve-se ao longo de uma encosta inclinada e pedregosa e foi ao longo dela que os voluntários, “armados” de tesourões e também de mãos simples para arrancar plantas que ainda o podiam ser, avançaram.

IMG_9098
Voluntários a caminho do local dos trabalhos
IMG_9114
Já em acção, entre mimosas e rebentos de carvalho
IMG_9116
Aqui, numa zona de menor densidade de mimosas
IMG_9118
Mesmo os mais pequenos se dedicaram com afinco às mimosas
IMG_9119
A arrumação do material cortado foi uma componente importante dos trabalhos
IMG_9146
Abordagem de uma zona densa
IMG_9152
Todas as posições são boas para cortar uma mimosa…

Simultaneamente, foram sendo realizadas operações de motoroçadora e podadora, a primeira para cortar manchas densas de plantas finas e a segunda para cortar plantas mais grossas. O ruído, já se imagina, não tornou a “coisa” muito aprazível, mas rapidamente o cenário das operações se começou a vislumbrar mais desafogado, o que foi motivo de suficiente contentamento. Alguns carvalhos maiores, na vizinhança e mesmo misturados com as mimosas, árvores que conseguiram escapar quase ilesas ao incêndio, também ajudavam a ter um vislumbre do que se poderia tornar num futuro próximo a área em intervenção, contribuindo para a motivação dos voluntários, a maior parte deles estreantes nestas operações.

IMG_9157
Com a manhã avançada, já se notava um grande desafogo na área intervencionada, com os carvalhos sobreviventes (ao incêndio de 2017) em destaque
IMG_9159
Homens e animais no terreno
IMG_9165
Arrumação final

Dada a densidade da mancha abordada, procedeu-se ao corte simples, o que tornará necessário o recurso ao herbicida sobre a rebentação, dentro de alguns meses, para a desvitalização das plantas. Assim, uma parte importante dos trabalhos foi a arrumação do material cortado, para facilitar essa fase seguinte.

Uma manhã é curta mas a verdade é que no final via-se trabalho realizado. A foto com os participantes tirou-se já na base da Quinta das Tílias. As restantes fotos foram gentilmente cedidas pelos voluntários, nove deles como membros do colectivo Nova Acrópole.

DSC_4201
A equipa deste meio dia

Obrigado a todos. As jornadas de Primavera continuam ainda em Abril. Até lá!

Paulo Domingues

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s